Game & Música #10: Kirby 64: The Crystal Shards - Factory Investigation


Hoje o Game & Música é daqueles onde a música do game escolhido dispensa versão cover metalizada, porque ela mesma já é metal as fuck.

Foi graças ao Super Smash Bros que o Kirby se tornou um dos meus personagens favoritos da Nintendo, porque eu, Bruna, sempre fui mais ligada à Sega. E eu ainda gosto dela, mas aprendi a ver as coisas boas produzidas pela Big N sem o olhar preconceituoso de antes. Depois de abrir o coração para o Pacman Rosa eu decidi desbravar os jogos da franquia dele e comecei por Kirby 64: The Crystal Shards.

O game foi lançado originalmente em 2000 e re-relançado em 2008. Feito em gráficos 2.5D, Kirby 64 é a continuação de Kirby's Dream Land 3 e é um game capaz de divertir muito, embora no começo da primeira vez que eu joguei, eu tenha achado ele meio bobo. Bobo foi o meu engano, porque a medida em que eu joguei eu fiquei mais encantada pela simplicidade, mesmo pelos gráficos tão legais para a época, uma ocorrência normal do Nintendo 64, vide a fama dos gráficos do Ocarina of Time, por exemplo.

Kirby 64 tem boa jogabilidade, o clássico elemento do Kirby absorver os poderes dos inimigos, e a trilha sonora deixa o jogo duas vezes mais divertido. "Battle Among Friends", "I'm Hungry", "Gourmet Race" são algumas músicas das que eu gosto e que combinam 100% com a vibe plataforma alla Rayman, Ristar, mesmo Sonic e Mario. Entretanto, a música que eu mais gosto mesmo é "Factory Investigation", tema do Stage 4 do quinto level do jogo, Shiver Star.

Shiver Star é um planeta de aparência bastante semelhante a Terra, incluindo até a presença de uma lua. Ele é formado várias construções que lembram as da vida real tais como um shopping e uma fábrica, levando alguns fãs a acreditarem que o planeta na verdade pode ser a Terra congelada após uma espécie de apocalipse. Fonte.

Acha que Kirby é jogo de criança? Ha!

"Factory Investigation" tem atmosfera bem dark e estranha, dá aquela sensação de o perigo mora ao lado, fato que vai 200% na contramão dos jogos da franquia Kirby, não fosse pela presença das cores bem vibrantes do cenário. Esse detalhe é deveras interessante de notar. Solte o play:



E ok, eu disse que a música não dispensava versão metalizada. Disse, mas ela ganhou outra versão com instrumentos reais, sendo que essa faz parte da trilha sonora do recém lançado Kirby and the Rainbow Curse para Nintendo Wii U. Não acho que ela conseguiu totalmente fazer justiça a versão do Kirby 64, mas vou deixar o link pra você curtir e fazer o tira-teima:

Sobre Bruna

Nerd preguiçosa, pseudo metalhead, cristã, metida a jornalista, mas formada em publicidade. Faz-tudo, sofre-com-tudo, nunca-dorme-direito. Expert em virar criança com Pokémon e Saint Seiya.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu recado! Mas lembre que spams, ofensas e comentários anônimos não serão aprovados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.