Já faz um tempo que eu venho falando do novo game FIFA. A edição 16 trará a excelente novidade da presença de algumas das principais seleções do futebol feminino, e na última segunda-feira (20), a Eletronic Arts divulgou as capas do game que estampam além do argentino Lionel Messi, jogadoras das seleções dos Estados Unidos, Austrália e Canadá.

A atacante Alex Morgan, da seleção norte-americana, aparecen na capa da edição americana do game. Já na edição australiana, quem faz as honras é Steph Catley. Na edição canadense, quem faz as honras é a capitã do time, Christine Sinclair

"É uma grande honra e estou empolgada que FIFA 16 está dando importante destaque ao futebol feminino", disse Morgan em entrevista ao IGN EUA. Christine Sinclair também compartilha da mesma empolgação dizendo "estou emocionada que a EA Sports está celebrando as atletas femininas em FIFA 16. Aparecer no jogo e promover o futebol feminino ao lado de Alex é realmente especial e um importante passo para as mulheres no esporte."

Eu não podia estar mais feliz, até fiz um vídeo falando sobre o assunto. O momento para as mulheres nos games anda melhorando bastante, vide os resultados deixados pela E3. Entretanto, se você olhar com atenção, também verá uma ação de marketing muito bem pensada por parte da EA:

Nenhum dos três países é tradicional no futebol masculino, e todos sempre foram mais populares por outros esportes: nos Estados Unidos - beisebol, basquete, hóquei de gelo; na Austrália - o rúgbi; no Canadá - o hóquei de gelo. Só que, oh quem diria, a prática do futebol vem crescendo em todos, e esse crescimento em grande parte se deve porque oh quem diria, as seleções femininas são destaque.

Querem um exemplo? Dou dois:

  • A final da Copa do Mundo de Futebol Feminino entre Estados Unidos e Japão foi a partida de futebol mais assistida da história dos Estados Unidos (link);
  • Na mesma Copa, o jogo entre Canadá e Suíça teve público de mais de 53 mil pessoas, o maior de qualquer seleção (feminina e masculina) de qualquer esporte do Canadá, que foi a sede da edição 2015 da Copa feminina (link).


O que é ótimo! Se a EA decidiu dar atenção a essa fatia do futebol, mesmo agora -porque antes tarde do que nunca- é sinal de que ela cresceu o suficiente para valer o investimento, mesmo que basicamente focando nesses países. E eu adoraria que a ação se estendesse ao Brasil, claro, mas acho bem pouco provável que aconteça. Nós ainda somos um público muito, muito hostil a ideia do futebol feminino. Daí "em troca", quem estampa a edição física do game no Brasil é o meia Oscar, meia que joga no Chelsea...

FIFA 16 será lançado em 22 de setembro para PS4, PS3, Xbox One, Xbox 360 e PC. Veja as capas e aproveite para assistir ao Papo da Tia Hizaki que falou sobre o assunto:



Fonte: IGN Brasil

Sobre Bruna

Nerd preguiçosa, pseudo metalhead, cristã, metida a jornalista, mas formada em publicidade. Faz-tudo, sofre-com-tudo, nunca-dorme-direito. Expert em virar criança com Pokémon e Saint Seiya.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu recado! Mas lembre que spams, ofensas e comentários anônimos não serão aprovados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.