Lucy Lawless não quer romance para sua personagem em Ash vs Evil Dead (e nós agradecemos)


Uma das coisas mais insuportáveis do entretenimento é a obssesão com o romance. Muitos filmes, séries, games (...) foram arruinados pela necessidade de criar um par romântico, às vezes aos 46 do segundo tempo, ou que começa, se desenvolve e termina forçado, sendo essa a causa de eu ter perdido 50% da vontade de ser feliz depois de Vingadores 2.

Entretanto, é sempre bom ver gente que reme contra a maré. Em entrevista ao Comic Book Resources durante a Comic-Con, a nossa eterna Xena que nas horas vagaz brinca de ser Lucy Lawless, explicou um pouco sobre a personagem que ela viverá na minissérie Ash vs Evil Dead:
Ela está caçando Ash. Ruby é a pedra no sapato de Ash. No final da temporada, você sabe exatamente o que ela está atrás e o quão com problemas ele (Ash) está. Amo trabalhar com Bruce. Nós confiamos um no outro, é um pouco da coisa de irmão e irmã. Por favor, nenhum romance com Bruce! Isso seria horror.
Gosto da ideia de uma Lucy Lawless interessada apenas em detonar Deadites, os zumbis-demônios da franquia Evil Dead. Ela é uma grande ativista de várias causas, representação feminina entre elas, por isso eu espero que os produtores façam jus ao histórico da Lucy como pessoa e atriz, evitando assim um dos estereótipos mais rodados e enjoados do gênero de horror. Até porque, eu acho, bem de leve, que aparecer numa foto promocional dessas indica que, felizmente, Ruby não tem cara de estar atrás do príncipe encantado no cavalo branco.

(Deixa isso pra Julia Roberts)

A minissérie Ash vs Evil Dead terá 10 episódios e estreia nos EUA dia 31 de outubro, no Starz.

Fonte: The Mary Sue

Sobre Bruna

Nerd preguiçosa, pseudo metalhead, cristã, metida a jornalista, mas formada em publicidade. Faz-tudo, sofre-com-tudo, nunca-dorme-direito. Expert em virar criança com Pokémon e Saint Seiya.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu recado! Mas lembre que spams, ofensas e comentários anônimos não serão aprovados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.