Não está sendo fácil esse 2015. A avalanche de nerdice não acaba. Coloque mais essa na sua lista: Castlevania. Depois da adaptação live-action do game que ficou em desenvolvimento há quase uma década, mas no final não deu em nada, o produtor Adi Shankhar quer tentar a sorte na criação de uma minissérie animada.

Shankhar produziu Dredd, Punisher: Dirty Laundry e o polêmico curta metragem Power/Rangers, que ainda causa reações extremamente divididas devido ao conteúdo violento. Eu gostei muito de Power/Rangers, mas de fato, não nego que o curta é bastante impactante, já que foi isso o que me chamou a atenção. O produtor anunciou que está desenvolvendo uma adaptação super violenta de Castlevania III: Curse of Dracula (1989) com Frederator, estúdio de animação por trás de Hora de Aventura, Bravos Guerreiros e Padrinhos Mágicos.

Quando questionado sobre quanto sangue e violência a minissérie super violenta terá, Shankar disse ao Collider: "Haverá muito. O objetivo é trazer animes fortes à América e ser a primeira série de animação da América para adultos." Como influências de estilo e tom, ele cita Akira, Ghost in the Shell, Ninja Scroll e Jovens Justiceiros.

O mix de referências é meio desconcertante e ao mesmo tempo dentro da proposta. Se tem potencial? Difícil dizer. Nunca fui tiete de Castlevania, não consegui (apesar das tentativas) assistir Ghost in the Shell, e imaginar o estúdio de Hora de Aventura envolvido é bem woah. Ao menos no relativo às referências dá para dizer o produtor está se inspirando em produções de respeito.

E outra: quem é ligado em cultura pop sabe que os EUA não é inclinado aos desenhos gráficos como acontece no Japão, vide os animes que o produtor citou. Muitos rotulam a animação americana de infantil demais, quem diz isso às vezes tem razão... Então a ideia de levar uma série animada super violenta de Castlevania para a Terra do Tio Sam não tem outra intenção além dessa: causar impacto.

Prequel do jogo original, Castlevania III segue Trevor Belmont, manejador do chicope Vampire Killer, enquanto ele se prepara para derrotar Drácula com a ajuda da jovem feiticeira Sypha Belnades e do filho de Drácula, Alucard.

Fonte: CBR

Sobre Bruna

Nerd preguiçosa, pseudo metalhead, cristã, metida a jornalista, mas formada em publicidade. Faz-tudo, sofre-com-tudo, nunca-dorme-direito. Expert em virar criança com Pokémon e Saint Seiya.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu recado! Mas lembre que spams, ofensas e comentários anônimos não serão aprovados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.