Vale a pena ler de novo: resumo da semana 10/08 - 16/08


A estreia da coluna nova e o quase retorno a rotina "normal"


Finalmente posso dizer com um mix de alívio e receio que a minha rotina em breve volta ao normal. Sobrevivi e cheguei à última semana do curso, que no fundo vai fazer falta pelo pouco de rotina que colocou na minha vida (mesmo tendo enrolando o meio de campo aqui no site). Mas ao mesmo tempo é aquilo... Enjoou. Aulas até legais, mas com uma turma que não me empolgou tanto, e agora fica a apreensão de como vai ser a vida depois disso.

Normal. É o processo de torturar meu cérebro com coisas que nem aconteceram, se acontecerem. Não sei relaxar. Por outro lado, o HMBR deve sofrer uma readaptação levíssima para incorporar a forma como funcionava antes, e como funciona agora. Devo ter mais tempo pra pensar meus textos, sendo essa a coisa que mais vem me incomodando. Assim eu saio daquela vibe 100% jornalística que vocês sabem que eu não gosto muito, posso me intrometer mais nas notícias e trocar mais ideias com vocês.

Aliás, falando sobre trocar ideias, viram que semana passada tivemos uma estreia? A tão falada coluna focada em conteúdo feminino virou realidade, e eu fico feliz de ver o bom feedback que a estreia teve, aparecendo por várias vezes no top 5 de posts mais lidos da semana. Achei que era a hora, sabe? Bati um pouco de cabeça pensando num bom nome quando percebi tudo a 2 palmos do nariz: Atenas. Não a cidade, mas no sentido de "coletivo de deusas Atena", que é a figura da mitologia grega com a qual eu mais me identifico.

O nome é perfeito para a ideia que eu tenho em mente, que não é bancar a feminazi, mas sim mostrar que a questão da representação feminina no entretenimento pode ser abordada com maturidade, coisa que nem sempre acontece. Tem quem não saiba ouvir, e tem quem não saiba falar, por isso é claro que eu quero/pretendo/com fé em Deus irei na contramão de ambos os casos.

Com essa coluna eu quero alcançar o nosso público feminino, afinal, oras.. Eu sou parte dele. Não tem pessoa melhor para entender os dilemas das mulheres gamers/fãs de anime/leitoras de HQ, do que outra que seja exatamente a mesma coisa. Lembram do novo olhar sorbe hard rock e heavy metal? Aquele onde eu e o Waka íamos contra as tendências do jornalismo musical atual? O espírito continua.

Mas eu também quero usar ela para alcançar o público masculino, por que não? Os dois sexos sofrem várias pressões sociais ao longo da vida, há séculos, e eu não acho que seja tarde para ambos os lados aprenderem a se respeitar. E ver que homens e mulheres podem ter espaço em tudo: cinema, games, HQs, porque quanto mais astros e estrelas pra gente tietar e se inspirar, melhor. A Terra é grande, tem espaço pra todo mundo.

Só tem uma coisa: Atenas não vai ter frequência de postagem. Por enquanto ela sai "quando me der na telha" porque eu não quero me pressionar a ser obrigada a postar em prazo X ou Y, essa coluna precisa de expontaneidade.

Dito isso, vamos clicar e ver/rever como foi a semana do site?

Música


Cinema


Games


TV


HQ/Mangá

Sobre Bruna

Nerd preguiçosa, pseudo metalhead, cristã, metida a jornalista, mas formada em publicidade. Faz-tudo, sofre-com-tudo, nunca-dorme-direito. Expert em virar criança com Pokémon e Saint Seiya.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu recado! Mas lembre que spams, ofensas e comentários anônimos não serão aprovados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.