Comentando o primeiro trailer de "Death Note: Light Up the New World"


O mundo nipônico anuncia mais um projeto nerd para o mundo! Foi revelado nesta quarta-feira (27) o primeiro trailer do live-action Death Note: Light Up the New World, que apesar de curto, traz umas coisas bem interessantes pra gente falar sobre. Tudo começa, obviamente, pelo trailer:


A história
Esse live-action é a sequência do longa de 2006, Death Note 2: The Last Name, e não tem nenhuma ligação com o live-action americano que será estrelado por Nat Wolff, distribuído pelo Netflix, e que chegou a considerar a polêmica ideia (de gerico) de excluir o shinigami Riyuk, e para quê? Para "evitar que Light Yagami seja visto como mal." Americanos. (risos)

Na história de "New World" (abreviando para facilitar), tudo se passa dez anos após os confrontos entre Kira e L, com o mundo entrando em caos total quando seis (eu disse exatamente isso, seis) Death Notes começam a provocar uma onda de assassinatos em massa. É uma premissa que tem potencial, afinal, a história do anime/mangá é bem contemporânea (violência, justiça com as próprias mãos, manipulação de pessoas, suspense, Complexo de Deus) e que pode (eu espero) acrescentar positivamente na onda das produções nerds com tom mais adulto/sério.

O elenco e equipe de produção
É tudo da casa. A direção será de Shinsuke Sato e no elenco nós teremos os Masahiro Higashide, Sosuke Ikematsu, Masaki Suda, Erika Toda, Rina Kawaei, Mina Fujii e Nakamura Shido II. E isso é bom: japoneses adaptando produções para a grande tela é como deveria ser. Claro, não que isso seja uma chave imediata do sucesso (o live-action de Attack On Titan que o diga...), mas ainda assim. Bom é que o filme não falhe, mas se isso acontecer, que seja pelo menos uma derrota justa. Afinal, nós sabemos que Hollywood não manja muito de adaptações japonesas para o cinema.

A vibe inicial
É muito difícil dar qualquer opinião aprofundada de um vídeo de 30 segundos. Queria eu que a internet entendesse isso. Eu não sou uma fã hardcore de Death Note (mas reconheço que é uma história bem pé na porta e soco na cara, como eu geralmente gosto), mas achei a vibe inicial desse live-action interessante, destaque engraçado para a fotografia do filme. Parece familiar? Sim... "New World" é produção da Warner-amamos-filtros-escuros japonesa. Dessa vez, entretanto, a gente desculpa porque até que faz sentido.

Comente!
Death Note: Light Up the New World estreia nos cinemas do Japão no dia 29 de outubro desse ano, o mesmo ano no qual os cinemas de lá também receberão a estreia de Kingsglaive: Final Fantasy XV. Mais informações vocês encontram no wwws.warnerbros.co.jp/deathnote2016.

Curtiu? Não curtiu? Expectativas? Diz aí nos comentários.

Sobre Bruna

Nerd preguiçosa, pseudo metalhead, cristã, metida a jornalista, mas formada em publicidade. Faz-tudo, sofre-com-tudo, nunca-dorme-direito. Expert em virar criança com Pokémon e Saint Seiya.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu recado! Mas lembre que spams, ofensas e comentários anônimos não serão aprovados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.