É isso aí, chegou a hora. Amanhã estreia no Brasil o mega aguardado Capitão América: Guerra Civil, que transporta para a grande tela uma das histórias mais populares e dramáticas dos quadrinhos da Marvel. O "Vingadores 2.5" é o kickoff da fase 3 e anda arrebatando a crítica, teve pre-estreia hoje (27) em São Paulo, então antes da hora H para nós, os meros mortais, que tal umas considerações?

Nossa tag de posts do filme
Aqui você vai encontrar tudo o que temos postado e iremos postar relacionado a Guerra Civil. Recomendo a leitura. :) Notícias, algumas semi análises, trailers comentados, expectativas, rumores, a primeira e segunda partes do review da HQ de Guerra Civil... Tudo a partir da perspectiva HMBR.

Expectativa da bilheteria
Segundo o Deadline, a expectativa é de que Guerra Civil tenha uma bilheteria de estreia que faça jus ao porte da produção: mais de 190 milhões de dólares "domesticamente", ou seja, nos EUA, e entre 200 e 230 milhões ao redor do mundo o que, se ficar pelo menos nesses números, já renderá 420 milhões de dólares só no primeiro final de semana. Imagina se for mais do que isso?

Caso o Deadline acerte, Guerra Civil ficará atrás de Os Vingadores (207.4 milhões) e Vingadores: Era de Ultron (191.3 milhões), que são, respectivamente, a terceira e quarta maiores bilheterias de estreia na terra do Tio Sam. E isso é incrível, afinal não é um filme dos Vingadores (oficialmente não, mas no coração de muita gente, sim), então não se pode ignorar. Caso o site também crave os números da bilheteria mundial, Guerra Civil superará Velozes e Furiosos 7 e se tornará a sexta maior estreia da história (mundialmente).

Desconstruindo o mito do super-herói?
Quando entrevistados pelo The Hollywood Reporter, os Russo contaram que Batman vs Superman foi uma espécie de empurrão para Kevin Feige aceitar a ideia dos diretores de "desconstruir" o mito do super-herói em Guerra Civil, afinal você e eu sabemos que esse mito/clichê é o que faz a Marvel ser a Marvel. Joe Russo disse:
A qualidade dos blockbusters está melhorando, e isso está acontecendo por conta da discussão nas redes sociais. O público adquiriu uma consciência maior da qualidade dos filmes, e se você não faz um bom trabalho, no próprio fim-de-semana de estreia o seu filme já está morto.
E romper comesse tradicionalismo sem dúvida deve ter sido uma decisão muito discutida, pois você só vê essa abordagem mais ousada nas séries da Marvel. Deem uma lida no que Joe Russo ainda disse:
A Marvel fez 11 ou 12 filmes até agora, e todos com uma estrutura tradicional. Nossa proposta foi: as pessoas sempre vão te dizer que amam sorvete de chocolate, até você começar a servi-lo para elas todo santo dia.
Como eu amo essas pessoas que não tem medo de sair da caixinha do óbvio?

As expectativas do HMBR
Eu não tenho contado muita coisa do filme para vocês, pois eu mesma tenho evitado certas notícias do filme feito uma praga. Já andam circulando spoilers por aí, e embora eu não faça o alarde que muita gente faz com spoilers, porque eu até gosto deles como incentivo para assistir filme X ou Y se os spoilers forem usados com bom senso, seguro morreu de velho.

Fazendo as contas de tudo o que eu noticiei, vi, li e raciocinei: levo fé que vem algo muito bom por aí. Não precisa nem ser perfeito, afinal, quem é? Guerra Civil é um momento histórico do MCU que aborda temas muito modernos tal como O Soldado Invernal fez, mas sinceramente eu acredito sem medo de errar que eles são ainda maiores: segurança nacional? Sim. Espionagem? Sim. Vigilantismo? Sem dúvida. Mas ainda tem toda uma questão de liberdade, responsabilidade pelas ações (algo que Tony Stark finalmente parece que vai sentir), como as diferenças de ideais podem afastar as pessoas..

.. Se uma amizade pode sobreviver a essas coisas.

Tem muito tema para um filme só. Há quem tenha medo de acontecer um efeito Batman vs Superman. Eu brincava dizendo que Guerra Civil tinha que ter sido dividido em duas partes, mas considerando que os irmãos Russo vem comandando tudo, acredito que vale o voto de confiança, afinal, digo pela milhonésima vez: no primeiro trabalho com a Marvel os caras produziram um dos melhores e mais elogiados filmes que a Casa das Ideias já colocou nas telonas. E se Capitão América 3 pegar esse trono, pega com toda justiça.

Então a minha expectativa é de grandes cenas de ação, combinadas com bastante intriga psicológica e umas pontas de humor, sobretudo de um Homem-Aranha que parece que vem bem Homem-Aranha. Quem assistiu ao mais recente comercial do filme onde ele aparece? Hilário, não?

Tenho muita curiosidade da forma como vão incluir o Cabeça de Teia no conflito, já que em tese ele nada tem a ver com os Acordos de Sokovia. Em tese. Também estou bem curiosa com a estreia do Pantera Negra. Homem de Ferro? Quem diria, mas é uma das coisas que mais me cria expectativas no filme porque não me levem a mal, mas eu não idolatro o Robert Downey Jr. como muita gente faz, por melhor que o cara seja como pessoa e/ou ator. Entretanto, eu torço com todas as torcidas do Brasil para o filme enfim oferecer um lado maduro e menos inconsequente do personagem, algo que eu tanto quero ver.

Sobre as cenas:

1- ver a luta do Homem de Ferro com o Capitão e o Soldado Invernal é prioridade;
2- que finalmente mostrem a bendita luta no aeroporto.

Por fim, mais duas coisas: Sharon Carter e Viúva Negra. Claro que uma parte da minha atenção também vai estar na Feiticeira Escarlate (sou #TeamWomenOfMarvel), mas essas duas muito me intrigam porque 1) o mundo pode finalmente ter mais informações de quem é a Sharon, 2) Viúva Negra, Brasil. É auto-explicativo vindo da pessoa que vos fala. (risos)

A participação da Viúva Negra
Óbvio que eu iria dedicar o momento a minha personagem predileta, quem duvidaria? Contrariando o mundo os Russo colocaram a russa (ba dum tss) do lado oposto ao de dois grandes amigos (Gavião Arqueiro e Capitão em pessoa), mas isso faz muito sentido. Claro, eu não espero que seja uma tortura psicológica amigável para a pessoa que vos fala (nunca é), porque de todas as decisões, a da Natasha ficar contra (ou "contra") o Capitão América é a que quebra a lógica, afinal, ela não só é amiga de Steve Rogers, mas como não é amiga de Tony Stark.

Tem coelho escondido aí.

Fora que muito certamente haverá o encontro dela com Bucky Barnes, e independendo de quando do filme isso será, é algo que promete, pois da última vez que os dois se viram anteriormente a Capitão América 2, ele deixou nela uma marca de bala que deu adeus aos biquínis. 

Mas é aquilo: quem decide o resultado do filme é você
Nós, sites, vamos te encher de informação mesmo, porque essa é a nossa função. Notícias, opiniões, reviews, frustrações, alegrias, mas isso só conta como foi a nossa experiência com um filme, ou a experiência de outro site quando divulgamos o conteúdo dele. Isso deve servir de base para a sua opinião, despertar a sua curiosidade, mas nunca ser a sua opinião. A sua opinião é sua. Se ela coincidir em algum momento com a nossa, maravilha, temos ainda mais assunto para conversar. Se não, sem ressentimentos. :)

E aí, quem estamos mega ansiosos?

Sobre Bruna

Nerd preguiçosa, pseudo metalhead, cristã, metida a jornalista, mas formada em publicidade. Faz-tudo, sofre-com-tudo, nunca-dorme-direito. Expert em virar criança com Pokémon e Saint Seiya.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe seu recado! Mas lembre que spams, ofensas e comentários anônimos não serão aprovados.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.